RÓTULOS

Você é de humanas ou exatas? Coxinha ou petralha? Gay ou goy? Você é nota nove? Como você se rotula?

A gente sempre quer rotular as pessoas e os sentimentos. Ficamos na luta interminável de querer dar nome a tudo, ser racional o suficiente para entender o que é cada coisa. Sem pensar que, muitas vezes, o importante é apenas sentir.

Sentir aquele poema que você não entendeu, a música que envolveu sem saber o porquê, o abraço que comoveu sem elucidar, o filme de Fellini que você não desvendou mas se emocionou, nem tudo na vida vem mastigadinho.

Numa prova de vestibular havia uma letra de Chico Buarque para testar a capacidade de interpretação de texto dos candidatos. Sabendo disso, Chico decidiu responder às questões. Quando foi olhar o gabarito de dez perguntas, ele acertou apenas cinco. Como rotular os sentimentos dentro de cada verso?

Pergunte para aquela pessoa especial: “Por que você me ama?” Se ela tiver uma explicação, não é amor. Amor não se rotula. Rótulos reduzem o entendimento e o sentimento.

carinha_farinhaMatheus Tapioca

Tags: , , , , , , , , , ,

Uma resposta to “RÓTULOS”

  1. Carol Chaves Says:

    Estava mesmo precisando voltar a escrever seu discarado! E eu te amo porque você é brain damage. Teikidizzzz!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: