MARRA

Nariz em pé, peito estufado, bunda arrebitada. Uma escoliose no alto do seu pedestal.

A marra é quase uma religião no Rio de Janeiro. O culto é ao corpo, a igreja é a academia, o padre é o personal, a hóstia é a bolinha e a cabeça é a oficina do diabo.

Quando morei no Rio, achava que só as mulheres lindas eram marrentas (confesso que algumas tinham o direito de ser). Mas depois descobri que até as feias eram metidas.

E do alto seu altar, você é invisível. Não agradecem por você ter aberto a porta do elevador. Acham que a porta abriu sozinha. Uma mágica, um abre-te Sésamo.

Se fosse Gisele, vá lá. Mas, porra, feia feito o custipiu e nem olha para você? Tudo bem que sou careca, mas tenho olho azul e sotaque baiano.

Os homens também se acham. Só pelo simples fato de serem… cariocas. Estes vão de sunga branca pra praia. Não é à toa que o Brasil inteiro diz que o problema do Rio são os cariocas.

Muitos dos meus melhores amigos são cariocas (exceção que confirma a MINHA regra). Amo-os, mas eles se acham deuses em Ipanema.

É tão blasè, tanto doce, tanto nariz, tanto umbigo, tanto Global, que acabam voltando para casa sozinhas.
Matheus Tapioca

carinha_farinha
Ilustração: Michel Neuhaus
Vote no Farinha no Prêmio Top Blog. Clique aqui.
Seja farinha do mesmo saco. Compartilhe:


Tags: , , , , , , ,

13 Respostas to “MARRA”

  1. Karina Gabrielle Says:

    Essa de até as feias se acham…muito bom!!!

  2. Sarah Bruno Says:

    Só tem um problema: o que é custipiu??? Se for imaginar o que seja começando pela primeira sílaba…. hahahahahahahha
    Vc tem até razão. Todo mundo tem que se sentir bonito, pois se vc não se acha assim, quem poderá achar? Agora querer ser “bonito” e se achar o absorvente da Madonna aaii pera lá!!!
    Mas ainda intrigada com esse tal custipiu… tá… nunca gostei de sunga branca, isso para mim é meio baitola.
    MAs não creio que só os cariocas estejam sozinhos nesta categoria… já conheceu algum gaúcho???
    Aahhhh se sim, depois me fale da sua experiencia, pois a minha não foi das melhores… Mas custipiu… isso é coisa de soteropolitano né?! Ou do baiano em geral?? hahahah

  3. Ladislau Says:

    Não sei não… O Rio é tão lindo, tão foda que qualquer povo que vivesse lá ia se sentir especial ( no seu âmago – lá ele). Olhe que eu acho que entre 10 cariocas 10 são mau caráter, sendo que dentre eles 1 não sabe que é, outro finge não saber e os outros 8 tem certeza de que são

  4. Carina Says:

    “mas tenho olho azul e sotaque baiano” olha só quem tá se achando! rsrs existe marra baiana tb?

  5. jorge jr. Says:

    rapaz, assino embaixo de tudo isso aí. o Rio seria o paraíso na Terra se não fosse habitado por cariocas. eu já fui vítima, algumas vezes, de “cariocadas” que me deixaram PUTO da vida.
    é claro que há exceções – mas são bem pouquinhas.

  6. Junior Simões Says:

    Tapioca meu fio! Teu blog tá kd vez melhor hein! Parabéns! Como um assumido Baioca-de-Carteirinha, encontrei no Rio a alma maravilhosa desse cenário de cinema, da torcida do Flamengo e o consequente nariz em pé das Cariocas, feias ou bonitas. Tenho um amigo q diz q o Rio é Capital Mundial da Pegação. E se vc consegue pegar mulher aqui, vc consegue pegar mulher facilmente em qq lugar do mundo!!! E isso tem um quê de verdade. Mas discordo dos preconceitos e generalismos de alguns comentários acima. O Rio é sem dúvida uma das melhores cidades do mundo pra se viver e curtir a vida, seja vc carioca, paulista ou baiano. Pra sentir ou aproveitar isso, basta vc cruzar com bons Cariocas ou Baianos, tão fáceis de se encontrar nos botecos, nas praias ou nos calçadões da cidade…

  7. José Says:

    “Tudo bem que sou careca, mas tenho olho azul..” – Você é praticamente um barraco com piscina!

    No RJ é assim mesmo. Mas a explicação é a estatística, aqui temos 7 homens pra cada rapaz. No Rio é muito mais homem que mulher.

    A imprensa vende que são mais mulheres, realmente é verdade. Ela só não diz que em Copacabana, pra cada velhinho existem 10 velhinhas. O que importa é a faixa “sexualmente ativa”, dos 20 anos aos 40, o número de homens é absurdamente maior.

    E por isso a mulher carioca sabe que pode ser esnobe, pode escolher, pq além de um careca de olho azul, tem mais 20 disponíveis pra ela.

  8. gue Says:

    somos marrentos sim! É nosso jeitao como cada região tem sua característica…. mas um bom jeitinho amolece o coraçao do carioca! será que vc tb nao pagou a marra com a marra?

    E olha que tem gente à beça que troca certamente a academia por um boteco com uma cerveja bemmm gelada! Isso sim é religião. Será que voce nao frequentou os lugares errados?

    te cuida ai!

  9. Sofia Says:

    Olá, Matheus!
    Sabe, cheguei ao Rio faz dois meses e, supreendentemente, encontrei muita gentileza e boa vontade. É certo que o serviço em alguns lugares é péssimo, acompanhado de má vontade. Mas, fora isso, onde vou, sou bem tratada, ajudada e todos conversam alegres.
    Adorei o que o Júnior disse sobre morar aqui. É uma cidade maravilhosa e que recebe todos de braços abertos…
    Inclusive, escrevi dois textos sobre essa cidade: “Sobre a mudança para o Rio de Janeiro e a gentileza carioca” http://wp.me/pX2wj-aR e Algumas diferenças entre Rio de Janeiro e Ribeirão Preto http://wp.me/pX2wj-b2
    Abraço
    Sofia

  10. Fernanda Says:

    Poxa… Estava adorando o blog até chegar nesse post.

    Não é à toa que você mora em uma cidade onde qualquer problema ou atitude que não corresponde ao “padrão” paulistano é chamada preconceituosamente de “BAIANADA” ou onde todos os nordestinos são chamados de BAIANO.

    Sou carioca, não tenho antipatia por paulistas, apenas reprovo essa briga que é de um povo só (Paulistas), pois, aqui no Rio, todos os paulistas ou não paulistas são recebidos de braços abertos. A única diferença é que somente os paulistas ou apaulistados é que saem falando mal…

    Uma pena que você pense assim.

  11. Jaqueline Says:

    O que paulistas chamam de ‘baiano’ os cariocas chama de ‘paraiba’, que eu saiba a Paraiba também está no nordeste. Preconceito com nordestino não está (apenas) em SP, assim como, gente mau educada não está apenas no RJ, pois há de haver uma minoria por ai, embora grande parte se não é como no post, demonstra sê-lo.

  12. idalinawinner21 Says:

    Infelizmente o carioca em si é sem educação mesmo, salva-se poucos.
    Estando em uma loja, me pararam e perguntaram se eu era de Sampa, e respondi que sim, e logo fiz a pergunta : Porque, pelo sotaque ?
    E eles responderam: Pela Educação! hahaha

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: