MUDO EM DUAS LÍNGUAS

Sinceramente? Eu acho reunião uma coisa inútil. Não estou falando do chope e confraternização de amigos, família e afins. Refiro-me à reunião corporativa. Aquelas pessoas cagando regra e falando expressões em inglês.

Até eu, que fui alfabetizado em inglês, não suporto mais os “Ah! Porque isso é ‘below the line’… Estamos no ‘dead line’… Precisamos fazer esse ‘task’… Gerar um “buzz”, pensar “out of the box”.

Outro ponto: já reparou que nenhuma reunião começa com o assunto que deve ser tratado? Todos falam de curiosidades e experiências pessoais: “Viajei para Búzios”, “Meu esmalte é lápis lazuli”, e só quando acaba essa ladainha, começa a reunião.

Objetividade é fundamental. Eu lá quero saber como foi o passeio de lancha? Fico enjoado no mar. E mais ainda com o sorriso que tenho que colocar no rosto, feito o Boneco Cabeça de Batata. A solução é fazer reunião em pé. Assim, todos são concisos e objetivos.

E os intermináveis PPTs? E as animações que colocam para mudar o slide? Tem gente que coloca até musiquinha. Peloamordedeus! À meia-luz, no ar-condicionado, é um convite para dormir. Não para decidir os rumos da empresa.

“Feed”, “seeding”, “share”, “overview”, “kick off”. Por que não usam as mesmas palavras em português? Parece mais inteligente? A última que ouvi foi “Equities”. Que porra é essa?

É por essas e outras que, às vezes, fico em silêncio. Não entendo vááárias palavras do business e não tenho nenhuma em meu parco vocabulário.

Pareço com um amigo, sempre calado, que depois de morar cinco anos em Londres, disse:
– Aprendi a ficar mudo em duas línguas.
Matheus Tapioca

carinha_farinha
Ilustração: Michel Neuhaus
Toda segunda uma nova crônica.

Matheus Tapioca

Tags: , , , , , ,

9 Respostas to “MUDO EM DUAS LÍNGUAS”

  1. julão Says:

    hahahahaha…foda!

  2. Bolinho Says:

    E eu era a favor daquela lei que proibia o uso de palavras em inglês por aí! Enfim alguém não aprovou ou tão vagando pra ela!

  3. xenya Says:

    Muito bom! Já passou da hora de superarmos o pensamento colonial.

  4. Fernando Says:

    Você esqueceu do “just in time”. Ouço muito isso…rsrsrs
    Abçs.

  5. andreia Says:

    Realmente, pode até ser que aqui no terceiro mundo, não haja esse fetiche babaca de “mainstreaming”(rs…)corporativo, mas quanto as futilidades do meio social é tal e qual,(viagens, esmaltes, bolsas, carro novo… e se vc ficar na sua, alguém com certeza vai perguntar, isso no momento estratégico de silêncio,onde todos voltarão os olhares em sua direção:e quais as suas novidades?!), ppts, música, meia luz, rá rá é pra dormir , babar e roncar msmo…é preciso gastar o tempo e não há nada pra ser dito, resolvido etc
    2ªX k vc se aproveita para malhar o pau no trampo, hein “man”?!!
    AP

  6. eduardo Says:

    hauehuaehaeu
    falou e disse velho
    como sempre
    af af af

  7. Alexandre Cavalcanti Says:

    Ficar mudo, até em duas línguas, nesse caso é o mais coerente. Reuniões sem táticas + decisões sem estratégias + assuntos tolos sem tréguas = resultados sem nexos.
    Observações da vida que você descreve muito bem.
    Valeu!

  8. mali Says:

    Lendo essa crônica, me deu saudade de quando o inglês era usado pra falar com aquele amigo gringo que veio desfrutar os encantos da Bahia…
    Saudade de quando o inglês era matéria da escola…
    Saudade até da dificuldade de traduzir do inglês para o português, o bendito manual do video-cassete…

  9. Mariana Lima Says:

    “Aprendi a ficar mudo em 2 liguas” foi o melhor que “ouvi” nos ultimos tempos!
    Alias, preciso q vc ensine, depois, q tanta expressao é essa! Aqui na Espanha a galera traduz tudo: no inicio achava horrivel, mas ja vejo que to me acostumando : )

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: