VÍRUS

A tristeza nunca está sozinha e hoje veio me visitar. Chegou de surpresa, sem avisar. Já coloquei a vassoura atrás da porta para ver se ela não demora.

Eu digo pra ela ir embora, que sou forte, posso me virar. Mas ela não ouve. Fica ali, parada. E vai aonde eu vou. Até nos meus sonhos ela aparece. Por que veio? Vai visitar outra pessoa. Você tem tantos amigos.

Ela não tem amor próprio. Vive pelos cantos, sendo rejeitada por quase todo mundo. Ela não se importa. Sabe que vai embora mais cedo ou mais tarde.

Mas antes de visitar outra pessoa, ela faz questão de ouvir as músicas mais tristes, lembrar dos momentos mais nostálgicos, ler os trechos mais densos, assistir aos filmes mais pesados.

Não sei o que fazer para expulsá-la. Já bebi, já fumei, já chorei, mas ela insiste em me acompanhar. Vive me fazendo olhar pra trás, colocando suas escamas em mim.

A tristeza é um vírus altamente contagioso, deixa todo mundo em volta pra baixo, de cama. Estou de quarentena, isolado, não quero passá-la pra ninguém. Porque hoje eu quero morrer com ela.

Matheus Tapioca

carinha_farinha
Toda segunda uma nova crônica. Acompanhe.

Matheus Tapioca

Anúncios

Tags: , , , , , ,

16 Respostas to “VÍRUS”

  1. Mary Bortolotto Says:

    Deixa ela morrer sozinha… Anima, que hoje tem jogo… Faz logo um ebó pra ela, já que a vassoura falhou…rs. Toma um banho gelado, coloca uma roupa agradável, e relaxa. Tudo vai ficar bem.

    Bjoks!!!

  2. carina Says:

    mas é da tristeza que nascem as coisas mais lindas, como o seu texto daí de cima :)

    gosto muito dessa frase do vinícius: o samba é a tristeza que balança. é a arte de transformar o triste em belo, tem coisa mais bonita que o samba? tem sim rs, mas vc entendeu, né?

    muito bonito e triste, seu Tapioca.

  3. andreia Says:

    Tristeza não tem fim…felicidade sim…
    Sinal d k vc não é oco…quando algo incomoda ela vem, para que possamos mergulhar dentro d nos mesmos e tentar diferenciar a dor que é nossa e a dor que o mundo nos causa.
    Ficar triste é bom, faz uma faxina íntima, chora pra caralho se precisar…Depois reúne novas energias…isso atraí felicidade, nem que seja por um tempinho finito.
    Sinal de que algo precisa ser renovado é a vida pedindo passagem.
    Mas se der…sacaneie alguém antes da tristeza passar, é pra isso k existem os amigos, parentes, sócios, ex alguma coisa etc

  4. Vânia Says:

    Como ela pode estar aí, se ela está aqui?? E parece ser a mesma, viu? Aquela que faz questão de olhar para trás, e de sonhar com um futuro que é o futuro do pretérito. Aquele que aconteceria, mas não aconteceu.
    E o pior é que a minha tristeza já está ficando amiga íntima. Tão íntima que se esconde dentro de mim, pra que os outros não a percebam, e não corra o risco de ser expulsa. Só sai em doses homeopáticas, pelos olhos, por umas palavras esporádicas….Só tenho esperanças que um dia acabe. A esperança ainda é maior que a tristeza!

  5. mariana_g Says:

    tomara que tenha passado. mas, se não tiver, procure criar. às vezes os mehores textos, fotos, desenhos, são realizados quando estamos com essa doencinha chata. beijos e amor!

  6. Tereza Cristhina Says:

    É um vírus que só ‘formatando-se’ para eliminá-lo de vez.

  7. Ki Says:

    Esse virus tem vacina, viu?

  8. Kamila Says:

    poxa, sou triste desde sempre, desde que me dou por gente.
    triste que nem sinto mais. (:

  9. Carol Chaves Says:

    Tô achando que isso é abstinência de sítio… Você sabe que lá ela nunca apareceu… Afinal ‘melhor lugar do mundo’ é só pra quem é muito vip e essa aí, nunca ouvi falar…

  10. Pedro Says:

    Se demorar muito bota grade nas janelas…
    Se bem que cair do primeiro andar ninguém morre… Já do terraço…

  11. Ana Paula de Toledo Says:

    Fiquei simplesmente apaixonada por tudo o que eu li.
    Mesmo com o tal vírus da tristeza (que é bem difícil de curar) os textos são uma delícia.
    Sem saber, você melhrou o meu domingo (pois é, também estou com esse vírus)…
    Obrigada

  12. lia Says:

    Que maneira simples…de falar coisas profundas…adorei!!!
    Abraços do meu Cotidiano prta ti.

  13. mali Says:

    Quer um colo virtual?
    Um colo que é meio ossudo e pequeno, mas que tem um coração enorme, um calor morninho e uma energia boa que vai mandando pra longe a tristeza que às vezes gosta de dar o ar da graça dela.

    O texto ficou muito lindo, mesmo nesse estado temporariamente triste.

    Até tristinho, vc encanta!!!

    Um beijo

  14. Ana Mendes Says:

    Se for vírus real, o probelma é achar o antibiótico certo e tomar no tempo adequado, não se iludindo que ela não vai voltar e se dando por curado! Se for vírus virtual, troca o HD, aproveita troca o monitor por um novo: maior, pra ver tudo bem maior também. Seja como for: real ou virtual, não deixa de escrever sobre ela, você faz isso muito bem, foi de uma singeleza ímpar! Beijos Teu…

  15. Ana Mendes Says:

    Danou-se! Antibiótico é pra bactéria. kkkkkkkkkkkkk Mas serve!!! hehehe bjo!

  16. Neide Almeida Says:

    Pôxa, Matheus, até você?
    Tô achando que tem uma energia meio pesada pairando pelo planeta há vários dias, mexendo com os nosso neurotransmissores, cerotoninas e melatoninas. Deve ser culpa da alteração no eixo da Terra desde os terremoto no Japão.
    São tantas tragédias seguidas que não dá mesmo pra ficar feliz o tempo todo, só se o coração for de pedra… É terremoto seguido de tsunami, Bolsonaro, maluco matando crianças em escola.
    Mas já já tudo se acomoda novamente. Depois da tristeza, uma pequena alegria tem gostinho de felicidade e a felicidade fica maior que a gente.
    Abs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: